Polícia Civil elucida crime de furto mediante fraude ocorrido em supermercado de Francisco Beltrão

 Polícia Civil elucida crime de furto mediante fraude ocorrido em supermercado de Francisco Beltrão

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Na manhã do dia 8 de dezembro de 2022, uma senhora estava fazendo compras em um supermercado localizado na Avenida Atílio Fontana em Francisco Beltrão, quando foi abordada por um indivíduo posteriormente identificado como um homem de 44 anos.

Esse homem estava trajando vestimentas da Polícia Penal do Departamento Penitenciário e suspostamente estava portando uma arma de fogo, e durante a abordagem o homem informou a vítima que estava fazendo uma investigação e por esse motivo precisava que a senhora lhe entregasse o seu celular. No primeiro momento a vítima relutou em entregar o aparelho, mas levando em consideração que o homem estava vestido como um policial e portando uma arma, ela acreditou e falou que não estava portando o celular, mas que o aparelho estava em sua residência.

A vítima foi com o individuo até a sua casa, entregou o celular, momento em que o homem falou para ela que seria realizada uma análise no aparelho, e entre 2 ou 3 dias seria devolvido o celular. Passado algum tempo, a mulher começou a desconfiar da situação e procurou a Polícia Civil.

A Polícia Civil realizou uma investigação, e foi apurado que o homem não tinha vínculo nenhum com a Polícia Penal, e que se tratava de um furto mediante fraude em relação a vítima.

Um mandado de busca e apreensão domiciliar foi aberto, policiais civis foram até a residência do suspeito, onde lograram êxito em encontrar o homem, foi encontrado também uma camisa da Polícia Penal, e uma arma da airsoft, com as mesmas características da arma que apareceu nas imagens das câmeras de segurança. O homem foi conduzido até a delegacia e interrogado, sendo que o mesmo negou participação nos delitos, mas com todas as provas evidentes, ficou bem esclarecido a prática dos crimes de furto qualificado mediante fraude, e do crime de uso publicamente de uniforme de função pública em que ele não exerce.

A Polícia Civil deixa um alerta para a população de que sempre que algum órgão público precisa de algum objeto para investigação, isso ocorre de maneira formalizada e acontece em ambiente policial, jamais acredite quando isso ocorrer em lugares informais, e o fato de estar trajando algum uniforme de órgão infelizmente pode se tratar de alguma falsificação.

Beltrão Agora

Notícia relacionada