Polícia aguarda laudo do IML para identificar corpo de homem encontrado em lavoura de soja em Beltrão

 Polícia aguarda laudo do IML para identificar corpo de homem encontrado em lavoura de soja em Beltrão

Foto: Ivânia Bonato

O morador da Linha Eva, Jucelino José Fidelis de Oliveira, foi quem encontrou na tarde do último sábado, aqui em Francisco Beltrão, o corpo de um homem com mãos e pés amarrados envolto em um lençol, jogado e uma lavoura de soja, à cerca de 300 metros da rodovia Vitório Traiano, que dá acesso ao prolongamento da Júlio Assis Cavalheiro e PR-566. De acordo com José, pelo que viu no dia do achado de cadáver, o corpo aparentava sinais de execução.

O delegado responsável pela investigação Anderson Grosso destaca que devido ao avançado estado de decomposição, a vítima não pode ser identificada por meio de digitais e características. Um laudo do IML é aguardado.

Anderson destaca que não é possível apontar com certeza quantos dias o corpo estava em meio a lavoura e que a investigação deve avançar a partir do momento em que os laudos do IML apontem a idade da vítima. Com isso será possível correlacionar com a idade de pessoas que estão desaparecidas em Francisco Beltrão e região.

Fonte: RBJ

Beltrão Agora

Notícia relacionada