Homem é suspeito de atirar na cabeça do genro por não aceitar o namoro com a filha; jovem está em estado grave

 Homem é suspeito de atirar na cabeça do genro por não aceitar o namoro com a filha; jovem está em estado grave

Foto: Arquivo

Um homem é suspeito atirar na cabeça do namorado da própria filha em Dionísio Cerqueira, no Oeste de Santa Catarina, e fugir após o crime. A vítima, de 24 anos, foi levada em estado grave ao hospital.

O homem, segundo o delegado Claudir Stang, responsável pela investigação, não aceitava o namoro do jovem com a filha. Ele está foragido nesta sexta-feira (26), de acordo com o investigador.

Conforme a Polícia Militar, também chamada para a ocorrência, o crime aconteceu por volta das 8h40 de quinta-feira (25). A vítima, de acordo com o relato policial, também foi agredida com socos.

O homem foi atacado na própria casa, segundo o investigador, após uma discussão com o suspeito. “Os dois foram lá conversando e houve o desentendimento e o disparo”, comenta. A dinâmica da ocorrência ainda é investigada.

A vítima, segundo a Polícia Civil, segue entubada.

Fonte: G1

Redação Beltrão Agora

Notícia relacionada