Exportação brasileira de milho dispara neste início de 2023

 Exportação brasileira de milho dispara neste início de 2023

Foto: Internet

As exportações de milho começam 2023 a todo vapor. Em apenas duas semanas de embarques, o Brasil já enviou para o exterior 2,95 milhões de toneladas

O volume supera em 216 mil toneladas as 2,73 milhões de toneladas exportadas em todo o mês janeiro de 2022. 

O desempenho é reflexo da boa safra brasileira em 2022, encerrada com 112 milhões de toneladas e da expectativa de safra recorde do cereal em 2023, para 125 milhões de toneladas, segundo a Secretaria de Comércio Exterior (Secex)

No cenário internacional favorecem as vendas brasileiras o conflito no Leste Europeu e as dificuldades climáticas em países da América do Sul, em especial Argentina e Paraguai

O conflito entre Rússia e Ucrânia (importante produtor mundial de milho) completa um ano e afeta a oferta de grãos e cereais da região.

Exportações de milho

No ano passado, o Brasil assistiu uma surpreendente recuperação das exportações de milho, que terminaram 2022 com 43,6 milhões de toneladas, acima do recorde de 42,75 milhões de toneladas em 2019 e mais que o dobro dos embarques verificados em 2021 quando foram enviadas ao exterior 20,4 milhões de toneladas. 

Continua após a publicidade

As exportações em 2021 foram racionadas por conta da safra menor, que sofreu com problemas de estiagem no Sul do Brasil. 

Naquele ano, a produção total de milho no Brasil foi de 87 milhões de toneladas.

As maiores exportações para janeiro foram 4,44 milhões de toneladas em 2016 e 3,83 milhões de toneladas em 2019. 

Em 2016 as exportações totais atingiram 21,8 milhões de toneladas.

Fonte: Canal Rural

Beltrão Agora

Notícia relacionada